Pó, Lápis & Borracha

Quais os limites para um sonho ingênuo de infância?

Longa Ficção
95 minutos
Drama

SINOPSE
“Pó, Lápis e Borracha” é um drama que narra um improvável encontro de dois curiosos personagens, mediado por caminhos tortuosos. Romário, um menino de 6 anos, órfão, negro, morador de uma favela, divide um barraco com pessoas relacionadas ao passado de seu pai, adultos que não trabalham e crianças que não estudam, num entorno de ócio, drogas, funk e promiscuidade. Deslocado, sem amigos, Romário sobrevive às suas mazelas nutrido por um sonho indestrutível: o de um dia estudar e se tornar um grande escritor. Seu Antônio, imigrante português de setenta e poucos anos, é um velho ranzinza, bronco e áspero, que sofre do mesmo sentimento de solidão e falta de interação social. Dono de uma lojinha de badulaques na favela, vive sem mulher nem amigos, sem esperança e nem objetivos. Preso a um segredo destrutivo do passado, ele se arrasta na vida como um homem invisível, viciado e sem perspectivas. Romário encontrará na venda de Seu Antônio o passaporte para seu sonho; fazendo suas vidas se cruzarem de forma inusitada, mediada por uma troca entre eles de drogas por material escolar. Aos poucos, a inicial relação de negócios começa a adquirir outra forma, a partir da revelação do menino sobre o tal segredo, abrindo sutilmente uma pequena brecha afetiva entre eles, gerando esperanças na suas expectativas de vida.

Produção: Sentimental Filmes
Coprodução: Escarlate
Distribuição: Fênix Distribuidora de Filmes
Direção: Andrea Prado
Roteiro: Andrea Prado
Produtores: Joana Henning e Marcos Araújo

Previsão de Lançamento: 2021